quarta-feira, 28 de maio de 2008

Encontro BTT Vouzela - 25 Maio 2008

Faltavam poucos minutos para as 9 da manhã quando chegamos a Vouzela. Já se encontravam na praça do município bastantes bttistas, entre os quais algumas caras conhecidas, a fazer o aquecimento para mais um encontro de BTT. Descarregar as bikes, equipar, dar o nome, pagar o almoço, dois dedos de conversa com a malta de Albergaria que tinha chegado entretanto e eram já 9:30 quando a caravana partiu.

Galeria de Fotos

O inicio do percurso foi bastante duro, com umas subidas bastante potentes, passando pelo parque de campismo até ao cimo do monte. Foi então que descemos um single track "a estrear", muito técnico e íngreme, que obrigou muitos bttistas a descer a pé. Voltámos a subir ao planalto, em direcção a Carregal até à antiga estação de Moçamedes, próximo de São Miguel do Mato. Aproveitei aqui para esperar pela malta que vinha mais atrás e tirar umas fotos nas escadinhas que faziam parte do percurso. Seguimos então pela antiga linha do Vale do Vouga, com as suas paisagens espetaculares, em direcção a Caria.

Altimetria do percurso

A paragem seguinte foi em Igarei para o bolinho do reforço, onde o Romeu representou em grande nível o ausente Álvaro Rui. Neste ponto era possível escolher o percurso curto ou o longo, que somente 3 valentes (O João Cruz, o Frederico e eu) decidiram percorrer. Já proximo de Vasconha aconteceu a minha queda mais espetacular de sempre que felizmente não teve consequências de maior a não ser o equipamento encharcado e algumas algas na transmissão da bike. Tudo aconteceu ao atravessar uma ponte em pedra sobre uma ribeira: ao perceber a irregularidade do piso resolvi desmontar para não me desequilibrar, só que quando meti o pé no "chão" ele não estava lá e o resultado foi um belo mergulho na água fria :)

Recompostos do momento de risota colectiva enfrentamos mais uma "parede" que nos levou ao inicio de mais um single track espetacular e muito técnico construído recentemente pelo BTT Vouzela. Tirámos mais umas fotos junto a um antigo moinho e uma queda de água e seguimos até à estrada. Aqui, e dada a hora já tardia, decidimos seguir em grande ritmo pelo asfalto até Vouzela onde o porquinho já rodava no espeto. Lavadas as bikes e depois de um retemperador banho quente nas piscinas de Vouzela juntamo-nos ao convívio no quartel dos Bombeiros Voluntários de Vouzela, onde nos deliciámos com umas belas sandes de porco no espeto .

Envio daqui os parabéns à malta do BTT Vouzela pela simpatia com que nos recebem nestes encontros, proporcionando aos participantes excelentes manhãs de btt, em trilhos espetaculares e também pelo trabalho bem visível feito em prol da modalidade. Até Julho!

segunda-feira, 26 de maio de 2008

Divulgação - Nocturno na Ribeira de Fráguas - 31 Maio 2008

Dia 31 de Maio de 2008 na Ribeira de Fráguas pelas 20 horas vai realizar-se um passeio nocturno pelos trilhos circundantes a esta terra.

Nocturno Ribeira de Fráguas

Trata-se de um passeio acessível com uma distância aproximada de 30 km e com um desnível de 1000m aproximadamente. Não tem qualquer valor de inscrição mas convém informar a participação para o
965639365, email marasil38@gmail.com ou através do blog http://rodinhasdaribeira.blogspot.com/

sexta-feira, 23 de maio de 2008

Voltinha muito "higiénica e doméstica" - 22 Maio 2008

Desafio: 9 à partida, 9 à chegada
Objectivo: regressar a casa
Melhor momento: queda da Marta
Ainda melhor que o melhor momento: os 3 tombos do João na estreia dos pedais de encaixe
Pior momento: não caiu mais ninguém
Regra: Domingos, 9h frente ao Cinema

Galeria de Fotos

Com o tempo a ameaçar alguma chuva, e ainda a "recuperar" da espectacular maratona à Freita, fomos convidados pelo recém formado grupo de BTT da 2M, para que, numa voltinha muito muito "higiénica e doméstica", dada a pouca experiência de alguns dos seus membros nestas aventuras, lhes indicássemos alguns dos trilhos desta bela zona que costumamos calcorrear.

A opção mais consensual, pelo valor cultural, paisagístico e pouco desnível, pareceu-nos a do caminho dos moleiros em direcção ao eucalipto grande. Passados poucos minutos das 9h, e tal como combinado, lá estavam 5 (felicíssimos) elementos junto ao Cinema, onde já os aguardávamos. A partida em direcção à Srª do Socorro revelou-se pacífica e com bom andamento.

Já nos moinhos, na primeira paragem para apreciar a paisagem, o 1º reforço e desfazer ainda alguns mal-entendidos do passeio ao coelhinho, um ataque aéreo (melgas) de que fomos alvo, quase dizimou um dos nossos, o João Paulo, felizmente conseguimos sair debaixo de fogo cerrado a tempo… e vivos.

Mas esta situação, a de estarmos vivos, quase que não se mantinha por muito tempo, tendo a Marta, na primeira descida a sério, ganho tal entusiasmo que se esqueceu de travar, arrastando tudo o que lhe apareceu pela frente, incluindo eu, e terminando numa espectacular queda, que claro, foi de imediato registada! Aproveitando as margens do Caima passamos pela antiga fábrica de papel e em Ribeira de Fráguas resolvemos percorrer, literalmente, o Rio Fílveda, para gáudio dos que nos acompanhavam.

De registar a opinião do João Cruz em relação aos seus novíssimos pedais de encaixe, que achou fantásticos! - Pois nós também achamos João! Aqueles 3 tombos não nos podiam ter deixado mais satisfeitos! O passeio parece ter sido do agrado de todos, esperamos que da nossa parte tenhamos correspondido às expectativas e que este tenha sido o início de futuros convívios.

Álvaro Rui

domingo, 18 de maio de 2008

Raid à Freita - 17 Maio de 2008

Após 1 ano de interregno, voltámos a organizar o nosso raid á Serra da Freita, com algumas novidades a nível de percurso, distância percorrida (95km) e almoço. Os corajosos aventureiros foram os do costume, José Evaristo, Pedro Cruz, João Cruz, Álvaro Rui, Nuno, João Paulo.

Galeria de imagens

A partida realizou-se com a pontualidade do costume (9h), desta vez não foi o Álvaro o último a chegar. Fizemos a
habitual descida para Vale Maior, e dai pelo Gavião até aos cinco caminhos, seguindo até Dornelas. Já tínhamos subido bastante, mas foi necessário subir mais até à Sra. da Saúde.

A partir da aldeia da Chã, foi seguir o percurso já feito noutros anos, passando pela aldeia de Currais, ao lado da aldeia de Calvela, até Felgueira. Ai entrámos na Serra da Freita, pelo nosso bem conhecido caminho de calhaus, que nos iria levar até às Pedras Parideiras na aldeia de Castanheira. Como a fome apertava, e a chuva ameaçava aparecer, pedalamos em grande ritmo até as quedas de água de Mizarela.

Após algumas fotos à espectacular cascata, seguimos até ao Parque de Campismo do Merujal, onde fomos muito bem recebidos, inclusive disponibilizaram-nos logo um espaço para guardar as bikes. Já no restaurante, a simpática dona e suas ajudantes serviram-nos uma sopa fortíssima para acalmar o estômago, devido à gastura provocada pela longa etapa. Seguiu-se uma farta grelhada mista com arroz de feijão, muito bem regada com tinto. Após a sobremesa, foi tempo de dizer "até à próxima, que seja para breve", tal era o grau de satisfação de todos.

Altimetria do Raid à Freita

Após o almoço, e resistindo à tentação de nos juntarmos à festa que se desenrolava no parque (e à bica aberta de super-bock), lá montamos nas bikes para fazer um percurso "extra" gravado no GPS. Foi ai que fizemos a parte mais bonita do passeio, percorremos a Serra da Freita pelo lado Norte, com paisagens espectaculares, vales muito verdes, sem duvida uma das zonas mais bonitas em que pedalei. Como nem tudo o que é bonito é fácil, no fim desse troço, junto à casa do guarda de Chão de Espinho, fizemos uma difícil subida de alguns quilómetros em alcatrão até às eólicas.

Com o cansaço visível nos rostos, seguimos pela estrada empedrada que passa pela represa de Albergaria da Serra, local muito bonito, com água muito límpida e fria. Após algumas brincadeiras e fotos, pedalamos até à estrada de alcatrão e começamos a descer para Felgueira, utilizando alguns caminhos de terra (e calhaus).

O caminho de regresso até a aldeia da Chã foi igual, dai até à Sra. da Saúde seguimos por alcatrão, onde tivemos mais um momento alto do dia, ao ser-mos convidados a comer umas sandes de porco assado e beber uns copos por umas simpáticas pessoas que ai estavam a fazer uma festa familiar. Foi dificil sair dali, tal era a delicia que estávamos a saborear, mas estava a ficar tarde e frio.

Descemos até à aldeia de Janardo, e tal como tinha prometido, o GPS levou-nos até Telhadela por caminhos muitos rápidos e sempre a descer ao longo da Serra da Escaiba. A alegria era grande, por finalmente estarmos a descer cerca de 10km seguídos.

Na Ribeira de Fráguas seguimos o habitual caminho até Albergaria-a-Velha, onde chegamos às 20h40, após percorridos 95km, 2121m de acumulado, com a satisfação de termos superado uma prova dura, mas que nos levou a sítios belíssimos, naquele que foi um dia de puro convívio e de imenso prazer de pedalar por locais inesquecíveis, aos quais teremos sempre vontade de regressar.

Ao coelhinho - Arestal 10 Maio 2008

Enquanto o Álvaro Rui não envia a reportagem do evento, fica aqui a galeria de fotos do passeio ao Arestal.

sexta-feira, 16 de maio de 2008

Passeio à Serra da Freita - Últimos Pormenores

É já no próximo sábado o nossa passeio anual à Serra da Freita, e como tal deixo aqui os últimos pormenores.

Percurso

Presenças confirmadas: Pedro Cruz, João Cruz, José Evaristo, Álvaro Rui, Nuno e João Paulo.

Hora e local de saída: 8h30 frente ao Cine Teatro Alba, e de preferência com a bike em condições de partir, certo Álvaro? :D

Almoço: Restaurante do Parque de Campismo do Merujal, sendo o custo da refeição 12€. Com um bocado de sorte há depois por lá umas belas sombras para dormir uma sesta antes do regresso!

Ementa: Sopa (fortíssima), churrascão misto, bebidas, sobremesa e café. Como isto foi negociado pelo Álvaro significa que a comida chegaria para o dobro das pessoas, por isso devemos voltar para casa com um bom lastro! :)

Se houver mais interessados em vir connosco avisem até ao final do dia de amanhã (sexta-feira).

quinta-feira, 15 de maio de 2008

BTT Vouzela - Encontro de 25 de Maio

Chegou-nos hoje o mail de divulgação do encontro de Maio do BTT Vouzela. Desta vez para além do bolinho vai haver um almoço/convívio com um belo porco no espeto pela simpática quantia de 5€.

BTT Vouzela

"O BTT Vouzela, em colaboração com a Câmara Municipal, vai promover no próximo dia 25 de Maio mais um encontro de BTT, com um percurso total de 50km (aproximadamente), totalmente marcado com placas. O percurso será um dos futuros trilhos do Bike Parque em fase de construção na vila de Vouzela. O secretariado estará aberto desde as 8h até à hora da partida, que será às 9 horas em ponto. O local de partida será em frente à Câmara Municipal de Vouzela, na Alameda D. Duarte de Almeida. A meio do percurso, será oferecido um reforço a todos os participantes, composto por água, fruta, gelatinas e bolos caseiros. No final, haverá também banho quente e banho para as bikes. A organização relembra o uso obrigatório de capacete, como única condição para participar no encontro de dificuldade média.

No final do encontro será organizado um almoço convívio entre todos os participantes e acompanhantes. Para se inscreverem no almoço devem enviar para o mail do clube - bttvouzela@sapo.pt - a ficha de inscrição disponibilizada AQUI (número mínimo de inscrições para que se realize o almoço será de 60 pessoas). Contamos com a presença de todos para pedalar, caminhar, conviver e almoçar! Até lá boas pedaladas!"

Raid Nocturno - 14 Maio 2008

Com o intuito de testar as minhas novas luzes da Sigma desafiei a malta no forumbtt para um nocturno em Albergaria. Responderam à chamada o Trek_b, o Maynard e o Esquilas. Eram cerca de 8:45 da noite quando partimos em direcção aos Moinhos da Freirôa, seguindo depois junto ao Rio Caima até Telhadela, passando pelo Eucalipto grande. Continuámos em direcção à Ribeira de Fráguas, subimos aos 5 caminhos pelo alcatrão e só paramos de trepar quando chegamos à capela ardida.

Gráfico de Altimetria

Iniciamos então a descida para o caminho da Foz a velocidades sempre acima dos 40 km/h, o que de noite é uma experiência única em que a adrenalina dispara para valores bem altos! O regresso a casa foi feito pela Foz > Carvoeiro > Sernada > Albergaria. Foram cerca de 35 km e 861 metros de acumulado feitos em 2h30, muito por "culpa" dos nossos companheiros Maynard e Esquilas que impuseram um ritmo bem potente nas subidas, e que eu e o Trek_b tivemos alguma dificuldade em acompanhar. No entanto nas descidas foi exactamente ao contrário :)

Fotos não há, dado que o habitual fotografo se recusou a ir com "a treta das luzes dos chineses". Quanto às minhas novas Sigma Mirage Evo + Evo X estão aprovadíssimas. Não tem a potência da "berlaites" do Trek_b mas dão uma boa luz e permitem descer rápido com boa visibilidade.

Em relação ao passeio de sábado na Serra da Freita, fica aqui a lista provisória de bttistas ainda não confirmada: Pedro Cruz, João Cruz, José Evaristo, João Carvalho, Álvaro Rui, Nuno, João Paulo, Ramalheira e Sérgio Figueiredo. Avisem se não estiverem na lista e quiserem ir (ou se estiverem e não puderem) para o Álvaro poder tratar do tacho :P

Abraço e boas pedaladas.

domingo, 11 de maio de 2008

Serra da Boa Viagem - 11 de Maio 2008

A convite do grupo Bike4nyc8 da Tocha deslocámo-nos (Evaristo, Pedro Cruz e João Carvalho) até à praia de Quiaios com o objectivo passar um dia de puro convívio com companheiros do pedal, e desbravar os single-tracks da Serra da Boa Viagem.
Clique para ver fotos
Foi um grupo de cerca de 40 betetistas que respondeu ao desafio dos Bike4nyc8, que muito bem liderados pelo grande Kabazuk, e guiados pelo resto do grupo, que nos conduziram por single-tracks fantásticos junto às falésias, caminhos por meio dos pinhais envolventes, subidas de perder a respiração, descidas técnicas e muito divertidas .

Gráfico de Altimetria
É difícil descrever a beleza dos locais por onde passámos, tal era a rápida sucessão com que apareciam, mais fácil é descrever o grande companheirismo e espírito betetista demonstrado por todo o grupo, a alegria demonstrada por estarmos a pedalar por um dos locais mais bonitos de Portugal.

Foi um prazer conhecer o Aires do grupo dos "Tremoceiros" de Cadima (o pão com chouriça estava excelente), o Bola7 dos Bikesurfers,os nossos vizinhos da Trofa e Macinhata do Vouga, e todo o pessoal com quem estivemos a conviver, ao longo de todo o percurso, durante o reforço, e no excelente almoço servido no restaurante com um nome parecido com o meu :).

Nunca é demais agradecer aos Bike4nyn8 todo o esforço e trabalho que tiveram para nos proporcionar uma dia espectacular de BTT e convívio, deixo aqui mais uma vez o convite para virem pedalar na nossa zona quando quiserem.

E finalmente uma palavra de apreço e agradecimento, porque sei que sem elas este evento não teria sido possível, para as simpáticas bike4nyc8 girls, demonstrada logo na entrega de dorsais, ao trabalho de logistica que tiveram (o banhinho no parque de campismo estava mesmo quente), ao excelente, muito variado e apetitoso reforço (eram bolinhos a perder de vista), ao qual fizemos duas passagens num local de merendas muito agradável.
(Evaristo)

sexta-feira, 9 de maio de 2008

Passeio à Serra da Freita - 17 de Maio 2008

Tal como já havia sido postado anteriormente pelo Evaristo temos de combinar a data definitiva para o nosso passeio anual à Serra da Freita. A nossa sugestão aponta para o sábado 17 de Maio, sendo que o percurso será mais ou menos o habitual: Albergaria > Sra. da Saúde > Frecha da Mizarela. Penso que esta será uma boa data pois a partir de junho o calor começa a apertar e ainda são uns kilometrozitos ao sol até la.

Serra da Freita

Em relação ao almoço existe a possibilidade de marcar no restaurante do parque de campismo do Merujal, mas obviamente precisamos de saber quantos são.

Gostaríamos então que deixassem na caixa de comentários se podem ir, se propõe outra data ou qualquer outra sugestão.

Boas Pedaladas!

quinta-feira, 1 de maio de 2008

Volta dos trabalhadores 1 Maio 2008

O Álvaro ficou em casa a estudar, e o pessoal aproveitou para ir fazer uma volta muito potente, foram 45km a bom ritmo, com um acumulado de mais de 1300metros. Subimos pelo Gavião até aos 5 caminhos e depois até Dornelas.

Clique para ver album de fotos

Seguimos até a aldeia de Janardo, e ai fizemos uma descida muito longa e radical até a aldeia de Felgueira, onde ao estilo do verdadeiro espirito do BTT, e desafiando as adversidades, aproveitamos para descobrir novos caminhos e fomos ao encontro de um track de GPS que eu tinha gravado. A partir dai foi sempre a rolar em grande ritmo até Telhadela, e depois de Ribeira de Fraguas até Albergaria-a-Velha.

InfoGPS

Foi um bom treino para os passeios que ai vêem, já pra semana temos o passeio na Tocha, dia 11 de Maio, têm a ficha de inscrição no blog http://bike4nyc8.blogspot.com/.

Quanto ao passeio à Serra da Freita no dia 17 de Maio (sábado), vamos tentar marcar almoço em restaurante, por isso vai ser necessário fazer a inscrição no email do blog
btt.albergaria@gmail.com.

Volta higiénica 2008-04-27

Enquanto eu, o Pedro e o Baixinho estávamos na Covilhã a encher a barriga de BTT e não só, o pessoal deu a voltinha higiénica do costume pela Sra. do Socorro, Eucalipto Grande, Telhadela e Rendo. Fica o registo da galeria de fotos, onde se pode ver que o divertimento foi grande.