domingo, 16 de agosto de 2009

Via Algarviana - Etapa III - 8 Agosto 2009

A 3ª etapa da Via Algarviana que efectuei foi entre Silves e Marmelete, ao longo de 50km com 2025m de acumulado ascendente e 1615m descendente.

Considerada a etapa rainha da Via Algarviana, embora de distância curta, mas com as subidas à Serra da Picota e à Serra da Foia, os 2 pontos mais altos do Algarve.

O inicio do percurso algo confuso em Silves, o engano levou-me a fazer uma subida que mais parecia uma parede, depois foi uma sucessão de pequenas subidas e descidas no planalto, tipo montanha russa e que provocaram grande desgaste.
Galeria de Fotos
Após muito sobe e desce finalmente comecei a subir a Serra da Picota, o inicio foi em terra, depois uns longos kms em alcatrão com grande inclinação. Voltei a entrar na terra, por uns percursos muito técnicos, um simpático camponês ofereceu-me água e umas maçãs, o que me animou a subir quase até ao posto de observação da serra, donde se consegue ver uma boa parte do Algarve (Portimão).

Com Monchique a vista, foi descer por uns fantásticos single-tracks, até a bonita localidade, depois confusão no track, a indicar por sentidos proibidos, nitidamente esta parte é unicamente para percurso pedestre. A saida de Monchique é feita por um espectacular bosque, mas pouco ciclável, mais uma vez enorme desgaste para ultrapassar esta parte.

Finalmente a subida a serra da Foia, em estradão ingreme, onde a maior dificuldade foi o imenso nevoeiro, vento e muito frio que comecei a sentir. Esta serra é sem duvida muito bonita, mas não naquelas condições. Depois de descer para a zona das eólicas, foi rolar até a aldeia de Marmelete.

Etapa muito dura, com um final sob condições extremas de frio e cansaço, com a agravante de ter sido feita depois de almoço.

0 comentários: