domingo, 27 de março de 2011

BTT na BRANCA 27 Março 2011

Inviabilizada a minha participação este ano no GO120, desloquei-me à Vila da Branca para o passeio organizado pelo Clube Desportivo da Branca. A concentração estava marcada para as 8h30, muitas caras conhecidas aqui do burgo e não só, após alguma confusão na entrega dos dorsais deu-se a partida às 9h mas da hora antiga :(
Galeria de Fotos
A primeira parte do percurso foi na zona oeste da Branca, muita lama devida às intensas chuvas dos últimos dias, excelente o single track depois da localidade de Escusa.

Aos 19km foi o reforço no ponto de partida, e após lavagem da bike e lubrificação foi tempo de fazer a 2ª parte, por sinal bem mais interessante. Passagem na Sra. do Socorro e descida dos moinhos do Caima até ao Palhal, para então surgir o ponto alto desta volta, um fantástico single track na margem do rio Caima.

Finalmente veio a subida do dia até a localidade de Chaque. A partir dai até ao final foi uma sucessão de caminhos rápidos, uma subida em empedrado bem dura, e single tracks já dentro da vila.

Foi um passeio com
40km e 828m de acumulado ascendente, os locais de perigo estavam bem assinalados, os single tracks foram muito divertidos, bom trabalho para 2012!

domingo, 20 de março de 2011

Ladário 20 Março 2011

Domingo de sol fantástico para mais uma investida à Serra do Ladário, excelentes trilhos aqui tão perto mas bastante duros a subir e a descer ;)
Galeria de Fotos
Foi uma manha muito bem passada na companhia do João e do Gonçalo, em ritmo bem vivo que permitiu percorrer os 53km e 1000m de acumulado em 3h30.

segunda-feira, 7 de março de 2011

Anuncio - Passeio BTT na BRANCA 27 Março 2011

Fica aqui o cartaz de um passeio de BTT a realizar na Vila da Branca no dia 27 de Março, o link do site para inscrições e outras informações é http://www.clubedesportivobranca.com/

domingo, 6 de março de 2011

Maratona de Arganil 6 Março 2011

Regressei a Arganil pelo 3º ano consecutivo para a 4ª Maratona do Clube Arganil BTT e mais uma vez percorrer os trilhos e paisagens fantásticas da serra do Açor.

O inicio foi rolante em alcatrão até entrar nos caminhos florestais com alguma lama a mistura até a aldeia de Celavisa. A partir dai começou a verdadeira subida até ao reforço ao km17, em Arganil é sempre de esperar longas subidas em estradão até ao alto da serra e esta não foi excepção.
Galeria de Fotos
Após o reforço surgiu logo a separação dos 40kms ou 80kms, tal como nos anos anteriores não hesitei, mesmo sabendo que a forma física este ano está muito em baixo. A parede que surgiu logo após a opção dos 80km era qualquer coisa demais, mas com muito sacrifício atingi o alto das antenas de radio. Foi ai que encontrei 2 companheiros dos Galitos com quem segui pelas rápida descida até Celada das Eiras e depois sempre em grande velocidade até à aldeia de Cepos onde fomos presenteados com umas belas filhoses.

O trilho desde Casal Novo até Relvas Verdes é espectacular, mas provocou grande desgaste, rolámos até Teixeira para o reforço. Após uma ajuda da organização, atacámos a subida de Água de Alte até ao famoso single track do ano passado, este ano não estava tão escorregadio e foi divertido percorre-lo. Depois do single veio mais uma parede, as forças estavam no fim e foi uma imensa alegria fazer a rapidíssima descida e o trilho rolante até a aldeia de Esculca.

Até ao final foi sempre a rolar em boa velocidade, já em Arganil ainda foi necessário subir até à EB23 que fica mesmo no alto. Foi lavar a bike, banho em água morna e almoçar uma bela sopa e um arroz porreiro e dizer até pro ano.

Penso que este ano a organização elevou muito o nível da maratona em termos de percurso, inúmeros single tracks, alguns com passagem em sítios de rara beleza, montanhas imponentes com paisagens fantásticas, mas acima de tudo um acolhimento e acompanhamento com simpatia excepcionais, quanto aos mais de 2000m de acumulado e a exigência física muito elevada é isso que torna esta maratona um grande desafio!